Google+ Badge

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

------ a importânsia do choro, contando de mim, trassando mudansas pra 2013.

oooois galera! ufa, finalmente o ano está acabando, ja estamos no dia 19.
as coisas aqui encasa deram uma amenisada falando do aspécto saúde, mais vem acontecendo outras que eu jamais poderei sitar aqui. a depressão continua reinando dentro do meu coração, me encurralando em abismos escuros e frios, fazendo com que assim, lágrimas  grossas dessam  dos meus olhos, e façam minhas bochechas se queimarem de tanta dor................... de tanta mágoa e rancor que vem  adicionado a elas. por isso eu resolvi postar hoje qual a importânsia de se chorar, e em outro post, eu falo mais de mim!

Importância do choro

Tanto no aspecto fisiológico quanto no psicológico, a lágrima é expressão saudável do humano.

Para a universitária Bárbara Nogueira, 21 anos, não existe local nem momento ideal para colocar aquele choro ´preso na garganta´ para fora. Pode ser ao
assistir um filme, num encontro de família, durante uma alegria, tristeza, vergonha, nervosismo, medo ou, até mesmo, raiva. ´Todos os sentimentos para
mim têm choro. Não sei se tem explicação, acho que sou mais sensível do que o normal. As pessoas dizem que choro por tudo, mas, na verdade, só choro pelo
que é mais importante. O problema é que quase tudo para mim é muito importante´, justifica a estudante, em meio a risos.

A realidade de Bárbara é semelhante à do jornalista e professor universitário Ronaldo Salgado, 53 anos. Segundo ele, ´demonstrações de amizade, de carinho,
exemplos de pessoas que venceram desafios, adversidades, gestos simples, saudade, lembranças de quem já partiu, filmes, músicas´ são motivos suficientes
para deixar as lágrimas virem à tona. ´Chorar é da condição natural do ser humano. Não é voluntário. Chorar só faz bem, desabafa, deixa mais leve. Com
o choro, aprendemos a nos reconhecer como humanos´, identifica Ronaldo.

O ideal mesmo é deixar as lágrimas fluírem livremente, como se permitem Bárbara e Ronaldo. Essas simples gotinhas, de acordo com a psicóloga e psicopedagoga
Heliane Pessoa, possuem grande importância para o desenvolvimento psicológico, no sentido de serem a primeira forma de comunicação com o mundo. ´É uma
maneira de chamar atenção e até garantir a sobrevivência, visto que de outra forma não seria possível apreender e compreender as necessidades do bebê´.

Já na fase adulta, conforme Heliane Pessoa, que também é psicóloga da Medicina Preventiva da Unimed Fortaleza, o choro funciona como uma forma de descarga
de tensão decorrente do acúmulo de sentimentos e emoções. No entanto, a especialista alerta que a manifestação é uma forma de ´expressão primitiva e precisa
ser percebida em seu significado para não bloquear a demonstração dos sentimentos, em sua forma mais madura, verbalizando e socializando sentimentos nos
relacionamentos interpessoais´.

Essa motivação emocional carregada de significado, como explica o oftalmologista David Lucena, presidente da Sociedade de Oftalmologia do Ceará, é que determinará
a quantidade de lágrimas produzidas. ´A quantidade está relacionada com o estado emocional alterado como o medo, tristeza, depressão, alegria exagerada,
raiva, aflição etc´.

Segundo o médico, no choro, a parte do cérebro responsável pelos sentimentos, associa um estímulo emotivo com aqueles que já temos guardados, gerando uma
resposta, podendo ser o choro.

Ainda conforme David Lucena, fisiologicamente falando, haverá liberação de noradrenalina e serotonina (substâncias relacionada à emoção), causando contração
da glândula lacrimal, liberando a lágrima, que parte sofrerá evaporação, parte será drenada pelos canais lacrimais e, em seguida, ingeridas. Independente
da idade ou, ainda, da motivação, o importante é também lembrar que as lágrimas possuem funções no organismo.

Tanto que, o oftalmologista acrescenta que elas apresentam o papel de ´proteger os olhos de certas infecções, limpar as impurezas da córnea e conjuntiva,
preservar a quantidade e qualidade das lágrimas produzidas, dando conforto no piscar´. Por isso, nada de ter vergonha ou esconder o choro! ´Reconhecer
momentos de fragilidade ou que fracassou não significa que é o fim, e sim só o começo ou um recomeço´, aconselha a psicóloga Heliane Pessoa.

--------------------------------------------------------------------------------  --------------------------------------------------------------------------------
http://www.paizzao.com/page29.html

Depois de ler essa matéria, eu  vi que não é tão ruim assim chorar.
Isso tem me aliviado bastante depois que passa. mais na hora que eu estou la " chorando", eu fico com raiva de mim mesma, me acho muito mole em ser assim. queria era rir até cansar, queria era me esquecer de todos os problemas, queria  ter uma vida diferente.
Tudo eu quero e quero. eu tenho que comessar a agir diferente, tenho que  comessar a pensar diferente, tenho que comessar a  percorrer caminhos diferentes no ano que vem, pra que as coisas tomem outro rumo. senão tudo vai ficar como está ou até  pior, e eu  vou só reclamar........ e isso não adianta absolutamente nada! mais na sexta-feira dia 21, eu irei pra  Poços de Caldas, onde vou passar o natal.
Volto pra casa no dia 25, pq dia 26 eu  trabalho! Acho que no ano novo eu estarei por aqui.
Mais em breve eu conto a respeito da minha viajen, que espero  que seja perfeita como sempre foi! adoro ir pra la!
eles me divertem muito, fora que Minas Gerais é um lugar bém tranqüilo, bom pra se relachar qualquer mente e coração!
E la eu não vou ficar ralando que nem aqui, todos os dias limpando a casa, ai, odeio-------************...... Eu sei que eu sou preguissoza gente! rs!
Beijão amores!
PS:
Tirei 100 nos feedbacks de Pricila, e Vanessa.
Eheheheeheheh.
Apesar da minha vida estar essa bagunsa, meu desempenho na  empresa continua atingindo a mesma meta de sempre.
Não posso parar né gente.
Tenho que  continuar mantendo o rítimo, tenho que ser uma boa funcionária, porquê eu  apesar de ter  um cansasso absurdo de  enfrentar esse mega trânsito  e ir pra la, sei que eu preciso demais desse emprego, e foi a porta que deus abriu pra mim quando eu estava ja desesperada.
Então não da pra reclamar sempre não.
Tem que levantar a cabeça, e seguir em frente.
Sempre  em frente.

5 comentários:

Fernanda!!!! disse...

Oie minha maninha linda!!!
Bom, esse seu post foi triste mais ao mesmo tempo explicativo.
Adorei a matéria sobre o choro, e eu não tinha lido ela ainda não.
Eu sei que você ta com uma depressão daquelas, afinal de contas, as coisas não estão nada fáceis por aí, né?
E vc sabe que se eu pudesse eu tiraria essa dor do seu coraçãozinho.
Preferia que vc não sofresse tanto assim, preferia ver um sorriso dançar nos olhos em vez das lágrimas que insistem em caírem. Queria ver você dançar, dar gargalhadas de felicidade, mais o que vejo são lágrimas, apenas lágrimas.
Mais eu queria te dizer mais uma vez: conta comigo sempre amor, pra qualquer coisa que vc precisar, vc sabe que eu tô aqui pra te ajudar em tudo o q vc achar necessário.
E nunca esqueça: Eu te amo!!!!!
Um beijão.

dorinnha radashy disse...

obrigada maninha pela força. mais hj eu fiquei mais feliz por ter vc de volta no meu pc. pq no coração vc sempre esteve!!!!!!!!!!

Fernanda!!!! disse...

Ai maninha, assim vc me emociona!!!!
Vc também sempre esteve, está, e estará no meu coração.
Eu também estou feliz em voltar pro seu pc.
Beeeeijo.

Cassiano disse...

minha linda e apaixonante amiga e escritora não deixes te abater pois a depressão pois já superaste muitas coisas e sou um profundo admirador seu e de tudo que escreves

Cassiano disse...

minha linda e apaixonante amiga e escritora não deixes te abater pois a depressão pois já superaste muitas coisas e sou um profundo admirador seu e de tudo que escreves