Google+ Badge

segunda-feira, 13 de abril de 2015

--a vacina de 2 meses.

Olá a todos(as!)  bom, neste post, venho falar a respeito da vacina de 2 meses que meu amor tomou na última quarta-feira dia 08/04/15:
2 meses
Públicas: Pentavalente brasileira (DTP + Hib + hepatite B) / pólio inativada / Rotavírus monovalente / Pneumocócica conjugada 10-valente
O que o esquema particular tem de diferente: Existe a versão acelular da DTP (DTaP), que dá menos reação, e que inclui a pólio, eliminando uma picada. Há uma vacina para o rotavírus protege contra cinco tipos do vírus, em vez de um só, mas se se aplica a rotavírus pentavalente serão necessárias três doses, em vez de duas. E existe uma pneumocócica que protege contra 13 tipos da bactéria, em vez de 10.

Pentavalente brasileira (DTP + Hib + hepatite B): Primeira dose. Contra difteria, tétano, coqueluche, infecções provocadas pela bactéria Haemophilus influenzae tipo b (como meningite, pneumonia e outras) e segunda dose contra a hepatite B. É gratuita em postos de saúde.
Modo de aplicação: Picada no músculo lateral da coxa (intramuscular).

Pólio inativada: Primeira dose. Previne a poliomielite, ou paralisia infantil. A vacina dada gratuitamente nos postos de saúde substituiu a versão oral (VOP, ou Sabin), a da gotinha. Nos laboratórios particulares, pode ser encontrada junto com a pentavalente, formando a hexavalente, que economiza uma picada na criança.
Modo de aplicação: Picada no músculo da lateral da coxa.

Rotavírus: Primeira dose. Evita infecções pelo rotavírus, que causa vômito e diarreia. A vacina monovalente é dada de graça nos postos de saúde. Na rede particular, também existe uma versão que protege contra mais tipos de vírus, também oral, mas o esquema completo será de três doses, em vez de duas.
Modo de aplicação: gotinhas.

Pneumocócica conjugada: Primeira dose. Evita alguns tipos de pneumonia e outras doenças causadas pela bactéria pneumococo. Passou a fazer parte do Programa Nacional de Imunizações em 2010, portanto é gratuita. A da rede pública é contra 10 tipos da bactéria. Na rede particular existe uma versão que evita 13 tipos da bactéria (13-valente).
Modo de aplicação: picada no músculo lateral da coxa (intramuscular).
Nessa vacina a criança sofre muito. um dos efeitos colaterais é a febre, e o inchasso nas duas coxas. ô, meu pequeno sofreu muito com isso. a pediatra mandou dar tilenol de 6 em 6:00, por conta da febre e da dor. ele passou o dia todo no meu colo, e chorava muito. durante a noite, fiquei controlando sua temperatura, e o que + me dueu, foi não ter amamentado ele  nesse dia. ele estava tão prostrado, que não conseguia se alimentar. isso partiu meu coração. sorte que a vacina de 3 meses, é bem + leve que essa. e pelo que informaram, não apresenta efeitos colaterais!!!!!
3 meses
Pública: Meningococo C conjugada
O que o esquema particular tem de diferente: Nada.

Meningococo C conjugada: Primeira dose. Protege contra a meningite e outras doenças disseminadas pela bactéria meningococo C. Desde 2010 é aplicada gratuitamente nos postos de saúde.
essa graças a deus é só uma dose. ele vai sentir um pouquinho de dor, + não vai sofrer como na anterior. as vacinas são + do que nescessárias, e nós devemos levar nossos filhos as UBS ou a rede particular para que fiquem previnidos de doenças graves. + o que condena o coração de uma mãe, são os efeitos colaterais da aplicação.
Modo de aplicação: Picada no músculo da lateral da coxa (intramuscular).

Nenhum comentário: